100o Aniversário de Julia Child!

SHARE
, / 709 3
Quem acessou a página do Google hoje cedo logo viu a linda logo da empresa sendo preparada nas panelas de Julia Child, pra quem não conhece, uma das mais importantes chefs da gastronomia moderna, que teve um papel importantíssimo na culinária mundial, em especial a americana.
É que hoje ela comemoraria 100 anos!
Resumindo bastante, Julia acompanhou o marido militar, transferido para a França. Lá se encantou por cada sabor que encontrou. Para não ficar sozinha em casa durante o dia, decidiu se inscrever em uma das mais renomadas escolas de gastronomia do mundo, a Le Cordon Bleu.

Da inabilidade total na cozinha, a chef elogiada por todos os chefs. Seu primeiro livro, foi o sugestivo, Mastering the Arte of French Cooking (Dominando a Arte da Culinária Francesa – a quem interessar possa, downaload AQUI).

Julia não só escreveu diversos livros de receita, com receitas testadas e “re-testadas”, como apresentou um dos programas de culinária mais importantes, até hoje, na história da TV americana.

Recentemente foi lançado um livro, e logo em seguida um filme, sobre a história de uma jornalista que decidiu cozinhar uma receita por dia, de um dos livros da culinarista, e documentou tudo em um blog que ganhou uma baita repercussão na internet. 
Quem não puder ler o livro e quiser conhecer um pouquinho da história dessa figura super emblemática da gastronomia mundial, pode assistir o filme, Julie & Julia, que além de tudo é uma delícia de história.

Parabéns, Julia!

E, obrigada!

Julia Child: 1912-2004

Gostou? Deixa um recado!!!
Até a próxima aventura!!!
        

3 Comments

  • Emilio Josino disse:

    Blog cada vez melhor, cada vez mais "antenado". abraços, Emilio

  • Obrigada pelo carinho, Emilio!!!Suas visitas e comentários são preciosos.

  • Anonymous disse:

    Nos anos 70, de vez em quando assistia os programas de TV na rede pública, PBS, estrelando Julia Child como uma professora de culinária bem diferente. Até, ela foi a primeira que apresentou nos Estados Unidos a viabilidade real de como lidar com as receitas françaises e popularizou para a população americana uma cultura bem mais ampla e de como valorizar a arte de comer. Eu não pretendia aprender cozinhar, somente assistia pelo entretenimento desse mulher de 1,88m com vozerão e jeito as vezes bem atrapalhado e informal. Sempre com uma taça de vinho ao lado do prato do dia, bebia com vontade enquanto ensinava o procedimento mais relaxado que já vi. Desmistificou a parada mesmo. Ela era uma pioneira importante e pelo prazer que ela emitia mudou radicalmente a sensibilidade paladar de uma nação. -Mush Emmons

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:

PASSWORD RESET

LOG IN